quarta-feira, 25 de julho de 2018


Vem aí a 7ª edição do Santos Jazz Festival

Bom dia amigos, excelente quarta-feira a todos nós.
Ontem não consegui disponibilizar nenhum assunto aqui na página, pois ando as voltas com um conto para a edição de agosto da Revista Conexão Literatura.

Para quem gosta de jazz não pode perder este grande evento que acontece pela sétima vez consecutiva em Santos.
Neste ano, o festival ocorre de 26 a 29 de julho, no teatro do Sesc e Arcos do Valongo com shows gratuitos.


Para homenagear os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, a 7ª edição do Santos Jazz Festival faz da programação de 2018 um tributo à liberdade. Da abertura, no dia 26 de julho, até o encerramento, no dia 29 de julho, um desfile de ritmos, estilos e performances irá celebrar a criatividade, a mistura, os encontros improváveis, em uma empolgante comunhão artística que ultrapassa o plano musical.
Dialogando com o mote “Liberdade é o tom” vários artistas irão se revezar nos palcos do teatro Sesc, Arcos do Valongo e no Bonde Arte. O programa, que inclui ainda oficinas musicais e rodas de conversa, tem início com a banda Afrojazz & Jesuton, resgatando a origem e influência africana no jazz, com a participação da cantora britânica Jesuton, que escolheu o Brasil para viver e mostrar seu canto, num tributo a Nina Simone. A Orquestra Mundana Refugi, composta por integrantes de nove países, prova que a música não tem fronteiras e une todos os povos. Izzy Gordon também homenageará Nina Simone e a brasileiríssima Elza Soares, outra incansável guerreira na defesa das mulheres e dos negros. Juntos, Toninho Horta, Duofel, Carlos Malta, Robertinho Silva, Adriano Grineberg põem mais tempero brasileiro na receita do Festival.  


 Acesse o site do evento:


Nenhum comentário: