quinta-feira, 7 de junho de 2018

Dicas da Língua Portuguesa

Olá amigos, hoje é quinta-feira e dia da coluna Dicas da Língua Portuguesa.
Para quem precisa ou gosta de escrever, mas tem dificuldade, o ideal seria escrever diariamente, além de outros hábitos que ajudam na grafia.
Abraços,
Míriam

Pesquisei sobre o assunto e achei no site da Revista Exame dicas interessantes para quem tem dificuldade até de redigir e enviar e-mail.

-Adote um livro de cabeceira 
Você certamente já ouviu que, para escrever bem, é preciso ler muito. Escolha um livro do seu interesse e não passe um dia sem abri-lo, nem que seja para ler poucas páginas.
O ideal é priorizar obras de ficção. “Além de trazer repertório gramatical e vocabular, a literatura apresenta analogias e metáforas, o que ajuda a escrever melhor sobre qualquer assunto”, diz o professor do Damásio.


-Use qualquer pretexto para escrever
Se você prestar atenção verá que o cotidiano abre espaço para pequenas redações o tempo todo: e-mails, recados, bilhetes, lembretes, cartas e até poemas. O importante é usar todas as oportunidades possíveis para treinar a escrita.

-Pense no leitor
Na pressa do dia a dia, é comum apertar o botão “enviar” do e-mail sem revisar o texto. Nada pode ser mais nocivo para a qualidade da comunicação, dizem os professores.
Se você quer aperfeiçoar a sua redação, é importante investir um minuto para reler o que você escreveu. Falta alguma informação? A mensagem está realmente clara? É fundamental se imaginar no lugar do leitor ou até pedir comentários e críticas sobre o seu texto a colegas, familiares e amigos.

-Desabilite o corretor ortográfico
Para ganhar confiança e independência, a dica é substituir a ferramenta por bons materiais de consulta, como um dicionário atualizado pelo novo acordo ortográfico e uma gramática confiável.

-Investigue o que você (ainda) não sabe
Ao se deparar com uma dúvida de português, você costuma mudar a frase para evitar a construção que está causando insegurança? Esse tipo de fuga é muito frequente, mas desperdiça grandes chances de aprendizado.
Quando você questiona a escrita de alguma palavra, o uso de determinada expressão ou a construção de uma frase, essa é a hora de consultar os materiais de referência mencionados no item anterior.

Fonte: Revista Exame – professores Diogo Arrais e Rosângela Cremaschi  

Nenhum comentário: