domingo, 31 de dezembro de 2017

Feliz 2018!

Olá meus amigos, o ano está terminando e espero que o próximo ano seja melhor do que este.
Não posso reclamar ou maldizer porque 2017 foi um ano bom para mim, apesar de não conseguir realizar alguns projetos, por falta de empenho próprio.
Agradeço a todos vocês meus amigos fiéis que visitam, apoiam e participam deste meu cantinho cultural, agradeço de coração a participação de vocês leitores ao longo desses anos.
Muito obrigada pelo carinho. Desejo, de coração, um feliz 2018 cheio de paz, saúde e realizações.
Abraços,
Míriam


Mensagem

Adeus, ano velho! Feliz ano novo!
Não se acabe o amor que começou.
Que venha novo o que já se passou.
Tudo de bom aconteça outra vez.
Quero um mundo só de paz!
Quero a terra mais feliz.
Este Ano Novo tem tudo para ser maravilhoso! Só depende de você. Acredite nas suas capacidades. Ame-se como nunca se amou! Cuide de ser feliz e não desista de correr atrás dos seus sonhos. 
Faça promessas – cumpra! Idealize metas – alcance! Melhore seu mundo hoje mesmo e amanhã o universo será um local ainda mais especial! Transforme cada dia deste novo ano em uma página memorável do livro da sua vida. 
Que este ano que agora começa traga muita paz, saúde, amor e mais sabedoria. Que seja um ano iluminado e abençoado por Deus. 

Feliz Ano Novo!



Campanha contra o barulho dos fogos de artifício! Use fogos silenciosos!

Cuide de seu bichinho de estimação e também dos demais que se abrigam nas ruas, solte fogos de artifícios silenciosos!
É possível fazer fogos de artifício sem estrondos e sem barulho? Claro! Fogos de artifício silenciosos e elegantes existem e cada vez mais cidades no mundo inteiro estão optando por este tipo de espetáculo.
O exemplo mais recente vem de Collecchio, uma pequena cidade na província de Parma, Itália, que para comemorar o seu "Settembre Collecchiese” escolheu os fogos de artifício sem barulho e que não ficam atrás dos fogos tradicionais.
Os estrondos pirotécnicos, lembramos sempre, são na verdade irritantes e muitas vezes provocam medo e pânico nos animais, levando-os a reações descontroladas e perigosas.
Os danos são encontrados tanto nos animais de estimação quanto nos animais selvagens, a começar pelos pássaros. Com as explosões repentinas, as colônias que estão descansando, ao ouvirem os barulhos, têm uma reação instintiva de fuga que, combinada com a falta de visibilidade, causam a morte de muitos exemplares decorrentes do choque com as estruturas urbanas (casas, luzes de rua, carros etc) durante os voos.
O show é garantido e a festa respeita a todos.

Participação: greenMe 


sábado, 30 de dezembro de 2017

Sarau, Poesia e Jazz

Mais uma noite Regada a Jazz, Poesia & Arte em São Paulo.
Na terça-feira, dia 02/01, das19h30 às 06h, tem ampla programação, na Confraria das Ideias, Vila Madalena.
Praticamente um Festival de Jazz e Sarau com 3bandas de Jazz.

Serviço:
Sarau,Poesia e Jazz
Quando: dia 02/01, das 19h30 às 06h
Entrada gratuita até 0h após, R$ 10,

Local: Casa Confraria das Ideias - Rua Mourato Coelho, 1032,  Vila Madalena, São Paulo


quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Teatro em ônibus

Olá, ótima quinta-feira a todos nós.
Vejam que novidade interessante e que foi bem aceita em sua apresentação dias 23 e 24/12.
Trata-se de teatro nos ônibus que fazem o trajeto da orla da praia, em Santos.
As apresentações do grupo TEP - Teatro Experimental de Pesquisas, da UNISANTA (Universidade Santa Cecilia), escritas por Gilson de Melo Barros tem mais apresentações em janeiro, nos dias 5, 6 e 7, no mesmo horário. Durante esses dias, sempre às 11h30, haverá paradas para apresentações campais na Praça do Aquário Municipal, na Ponta da Praia.



TEP
O TEP, Teatro experimental de Pesquisas, um dos grupos mais antigos em atividade na cidade de Santos, celebra 20 anos de parceria constante com a UNISANTA, período em que foram realizadas mais de 25 montagens teatrais, trazendo ao grupo diversos prêmios em mostras e festivais de âmbito municipal, estadual, nacional e internacional. 


quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Os melhores lançamentos literários

Bom dia meus amigos e excelente quarta-feira a todos nós.
Meu amigo Alfredo Monte, crítico literário elencou para o jornal A Tribuna os melhores livros nacionais deste ano, achei bem interessante e resolvi disponibilizar aqui na página. O Alfredo é excelente profissional então vale a pena dar uma espiada nos livros que “bombaram” em 2017.


Dentre os vários títulos, Monte destaca Maria Valéria Rezende (Outros Cantos); Márcia Tiburi (Uma Fuga Perfeita é Sem Volta e Como conversar com um fascista) e Manoel Herzog (A Jaca do Cemitério é Mais Doce), entre outros.

Acompanhe a relação, elencada de janeiro a dezembro, acesse:


segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

Crônica: Dezembro: tempo de renovar as energias
Por Míriam Santiago
                                  
Já estamos em dezembro! Último mês do ano e novamente e nem nos demos conta de que num piscar de olhos, mais um ciclo de vida na terra está prestes a se iniciar com a chegada de 2018. Se pararmos um pouquinho para avaliar, o tempo passou depressa, assim como tem acontecido todos os dias, meses e anos!
No final do mês passado observamos motivos natalinos ganhando espaço no contexto de ruas, vitrinas, casas e prédios, comerciais e residenciais. Cenários prá lá de bonitos. Tem casas aqui em Santos, cidade litorânea do Estado de São Paulo em que vivo que nesta época do ano, se transformam em verdadeiros pontos turísticos por conta do Natal, e confesso que em uma rua específica do bairro Boqueirão, Álvaro Alvim, algumas residências fazem questão de montar cenários incríveis!


Acho tudo isso fantástico, essa energia que as pessoas desprendem para agradar a quem passa em sua porta, a transmitir a boa fé e a esperança de paz e felicidade a qualquer pessoa. São energias desprendidas que nos fazem bem e que nos deixa leves.
É em dezembro também que muitas pessoas exercem seu lado voluntário em prol de famílias carentes com as conhecidas “sacolinhas de Natal” ou as “cartinhas do Pai Noel nos Correios”, são ações que têm contribuído para um Natal mais feliz para centenas de crianças, já que a data tornou-se puro comércio. Mesmo assim as energias do bem de quem presenteia uma criança carente não tem preço para o Universo! E se mais pessoas contribuíssem, melhor ainda, sentissem o Natal com o coração, o mundo seria muito melhor.
Mas também em dezembro devemos temer as energias negativas condensadas ao longo do ano e que são libertas neste mês, que surgem como relâmpagos sem que ninguém se dê conta disso. Por finalizar o calendário, dezembro recebe muita carga negativa de pessoas que nada realizaram e essa lamentação com pitada de inveja de quem fez tanto libera energias ruins, assim como aqueles que estão sozinhos, ou sem emprego, enfim, são tantos relatos com sentimento de amargura e de tristeza expurgados da alma e que vão somando-se contaminando pensamentos e sentimentos do coletivo. E é por isso que as pessoas devem permanecer serenas, com o pensamento no agradecimento renovando e mantendo a cada instante energia do bem.
O final do ano também é a época do desapego e da renovação. De refletir em tudo o conseguimos ou não, mas de forma sempre em aprendizado para o próximo ano e não levar a vida tão a sério que desgasta a alma encurralando a esperança em dias melhores deixando o pensamento pesado com gostinho de culpa por alguma fraqueza. Somos humanos e isso já nos torna vulneráveis e sujeitos a falhas, por isso, a importância do sentimento de perseverança, otimismo e seguir em linha reta, acalmando a cobrança da mente e o sentimento de culpa.


É sentir o mundo com vontade só pelo motivo de estarmos vivos, de podermos caminhar e  sentir o frescor da noite, de apreciarmos a natureza e tudo o que nos move para frente ajudando a quem precisa, estendendo a mão para algum trabalho voluntário e não deixar que energias negativas nos contamine, por vezes situações são difíceis e complicadas, mas a perseverança e convicção da mente devem se impor mais fortes, sejamos fortes de espírito e de coração.
Por fim, agradeço a todos os leitores que durante todo o ano prestigiaram com gosto o Histórias Fantásticas, o meu trabalho, esse espaço de manifestação da literatura, pois  vocês, leitores, são a engrenagem principal desse trem literário,  muito obrigada e Boas Festas!  

domingo, 24 de dezembro de 2017

Exposição de Presépios Internacionais

Olá meus amigos, domingão véspera de Natal.
Aproveite o dia hoje para refletir e pedir paz universal! Vamos fazer a corrente do bem fluir!
Boa opção para levar toda a família, aproveitando o momento natalino. Abraços,
Míriam


A 24ª Exposição de Presépios Internacionais acontece até o dia 28 de janeiro com entrada gratuita, de terça a domingo, das 10h às 18h30, no Santuário Santo Antônio do Valongo, Centro de Santos, local que faz parte do trajeto do Bonde Histórico.  
A mostra conta com presépios feitos de todos os tipos: madeira, vidro, panos etc e de todos os países.
Este ano, a novidade é o presépio em tamanho natural, com 16 peças desenhadas em MDF vazado, do artista Anderson Camargo.
A montagem de presépios é uma antiga tradição, criada por São Francisco de Assis, em 1224, na cidade de Greccio na Itália. A palavra presépio significa em hebraico "a manjedoura dos animais", mas o termo também é usado com frequência para indicar o próprio estábulo. 


Serviço:
24ª Exposição de Presépios Internacionais
Quando: de terça a domingo, das 10h às 18h30, até o dia 28/01
Local: Santuário do Valongo – Largo Marquês de Monte Alegre, 13, Valongo, Centro, Santos
Mais informações: (13) 3219-1481

Entrada gratuita

sábado, 23 de dezembro de 2017

Natal Literário

Olá meus amigos, excelente sábado a todos nós.
Vejam que iniciativa legal, gostei muito da ideia.


O Natal Literário, promovido pelo Grupo Literatura na Grama acontece hoje, das 9h às 12h. Trata-se do último evento do ano, e a ação especial visa transformar alguns pontos da cidade de São Paulo em um "mar de livros!". 

Neste sábado, o projeto espalhará aproximadamente 150 livros por cinco pontos de São Paulo: Terminal Pirituba, Terminal Lapa, Largo da Batata, Terminal Bandeira e Praça Roosevelt. Esta ação tem a intenção de presentear as pessoas que passarem por estes locais e incentivar o gosto pela leitura.

Quem quiser ajudar o projeto doando livros ou participar da ação é só entrar em contato com os organizadores pela página do projeto 
Leitura na Grama

www.facebook.com/leituranagrama
#leituranagrama #doelivros #doesangue #soudoador #irmaosdesangue #paixaoporlivros #amoler

Parabéns aos organizadores pela iniciativa.




sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Agradecimento, poesia de Bernadete Bernardo

Olá meus amigos, até que enfim sexta-feira!
Hoje deixo no Cantinho da Poesia um poema que gostei muito de minha querida amiga, que tempos atrás foi colunista aqui da página, Bernadete Bernardo.
Espero que gostem, abraços,
Míriam



Agradecimento

Meu eterno agradecimento
A eles...
Quatro olhares! Quatro modos de amar.
O que seria de mim não fosse cada olhar.
Olhar que protege,
guiando-me pela mão.
E tira da escuridão
para dizer que na vida
tudo se refaz.
                                        Olhar com brilho: de mãe e filhos.


quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Natal especial - Encanta Natal 

Para entrar no espírito natalino o bairro do Gonzaga, em Santos, recebe nesta sexta-feira (22), às 20h30, o espetáculo “Encanta Natal”, um show de luzes, presépio cênico e um coral natalino que reunirá 70 vozes nas janelas do Hotel Atlântico. 
O local será ocupado pelo Coral Municipal de Santos (CMS), o Coral da Alfândega do Porto de Santos, a Camerata Jovem Santista e atores da Escola Artes Cênica (EAC) Wilson Geraldo. 
No repertório estão clássicos natalinos e músicas emocionantes como: Trenzinho do Caipira; Carinhoso; Imagine; Noite Feliz e Estrela-Guia, entre outras canções. 
Avise os amigos e leve as crianças para curtir a apresentação e o clima natalino. 
O Hotel Atlântico fica na Av. Ana Costa, 575, Gonzaga, Santos. 

Vamos participar e entrar no clima natalino?


quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Mostra fotográfica Arquipélago

Olá meus amigos, vamos que vamos que já estamos no meio da semana!
Atenção para quem curte fotografia, pois hoje é a abertura da mostra fotográfica “Arquipélago”, do fotógrafo Zico Farina.


De hoje até o dia 4 de fevereiro, pode-se conferir a mostra fotográfica "Arquipélago", de Zico Farina, sexta e última exposição do programa Nova Fotografia 2017.
Com entrada gratuita, Arquipélago pode ser visitada no Espaço Nicho do MIS – Museu da Imagem edo Som de São Paulo.
"Arquipélago" é um trabalho sobre o isolamento e que usa o espaço da exposição como uma metáfora para criar um mapa imaginário. A série é composta por 13 imagens em tamanhos diferentes e em P&B que remetem a ideia de diversas ilhas. As imagens são o resultado da observação sobre o silêncio da solidão. De acordo com o fotógrafo essa forma de apresentar as imagens – fragmentadas – nos obriga a observá-las mais de perto, e essa aproximação serve para descobrir em cada uma delas uma poética escondida em coisas ordinárias, em simples objetos ou paisagens. 
As fotos de Arquipélago foram coletadas nos últimos quatro anos, em diversas locações como a capital paulista, Garopaba (SC), Porto Alegre (RS) e as cidades uruguaias de Punta del Diablo e Valizas.


Zico Farina
Zico Farina nasceu em São Leopoldo, Rio Grande do Sul, em 14 de julho de 1968. É formado em Publicidade e Propaganda e trabalha como diretor de Criação em São Paulo.

Sobre o Nova Fotografia

Criado em 2011, o Nova Fotografia é um projeto anual do Museu da Imagem e do Som que busca criar um espaço permanente para exposição de fotografias de artistas promissores que se distinguem pela qualidade e inovação do seu trabalho. A cada ano, seis séries de imagens são escolhidas por meio de convocatória e expostas no Museu.

Serviço:
Mostra fotográfica Arquipélago de Zico Farina
Quando: até dia 5 de fevereiro - terças a sábado, das 10h às 21h; domingos e feriados, das 9h às 19h

Local: MIS/SP – Av. Europa, 158, Jardim Europa
Mais informações: (11) 2117-4777

Fonte: MIS 

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Mangá Machado de Assis: 
Caçador de Monstros

Olá meus amigos, excelente terça-feira a todos nós.
Como adoro mangá, um amigo me contou desse projeto de 2016, que precisa de pontos para que a história seja impressa.

O mangá Machado de Assis: Caçador de Monstros  nasceu da ideia de popularizar os personagens literários mais famosos do autor junto ao público mais jovem, em uma época pouco conhecida pelos brasileiros: sua juventude.
Em geral, as pessoas conhecem um Machado já idoso e próximo de sua morte, em 1908, mas pouco se sabe sobre sua juventude.


É isso que o projeto de Marcelo Alves da Silva pretende mostrar: Machado de Assis na segunda metade do Século 19, em uma aventura que mistura suspense, ação e fantasia, em estilo mangá.
Na trama, Machado é um jovem escritor proeminente que recebe do seu mentor, o Conselheiro Aires, a difícil missão de expurgar os monstros que pretendem vir ao Brasil para estabelecer uma nova Ordem da Noite Eterna, uma antiga sociedade secreta que busca reerguer-se.
Uma série de assassinatos ocorre na cidade do Rio de Janeiro, no ano de 1867, ao mesmo tempo em que certo duque inglês reinaugurará a outrora próspera Casa Wilkinson de Comércio. Para investigar, ele conta com a ajuda dos seus fiéis companheiros de aventura: Brás Cubas, o boêmio-armeiro, quem cuida dos seus equipamentos, e Quincas Borba III, um hipopótamo reencarnado em um gato.
Para viabilizar a publicação em formato impresso, o projeto busca colaboradores na plataforma Catarse – clique aqui para conhecer as recompensas e participar.

Gostaram? Interessante, não é?
Acessem o link acima para saber mais, abraços,
Míriam



domingo, 17 de dezembro de 2017

Música, Mantras e Meditação na Pinacoteca Benedicto Calixto

A Pinacoteca Benedicto Calixto apresenta hoje Música, Mantras e Miditação hoje das 16h às 19h, na Av.Bartolomeu de Gusmão,15, Boqueirão, Santos.

O intuito é atrair boas vibrações para 2018!
Com: Rogério Baraquet, Diana Hybari, Rodrix Silver e Fernando Antunes.

Abertura: Coral Bem Viver

Mais informações: (13) 3288-2260


sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Traçando Livros - A Desumanização 

 Mais tarde, também eu arrancarei o coração do peito para o secar como um trapo e usar limpando apenas as coisas mais estúpidas.
Desumanização

Passado nos recônditos fiordes islandeses, este romance é a voz de uma menina diferente que nos conta o que sobra depois de perder a irmã gémea. Um livro de profunda delicadeza em que a disciplina da tristeza não impede certa redenção e o permanente assombro da beleza.

O encontro que debate o livro de Valter Hugo Mãe acontece neste sábado, dia 16/12, das 16h às 19h, no Sesc Belenzinho.

Imagem divulgação
Serviço:
Traçando Livros –encontro que debaterá o livro A Desumanização, do autor Valter Hugo Mãe
Quando: sábado, dia 16, das 16h às 19h
Local: Sesc Belenzinho – Rua Padre Adelino, 1000
Estacionamento no local

Valter Hugo Mãe
Paraty, 2011
Valter Hugo Mãe é o nome artístico do escritor português Valter Hugo Lemos. Além de escritor é editor, artista plástico, apresentador de televisão e cantor.
Nascido em 25/9/71, recebeu importantes premiações: Grande Prêmio Portugal Telecom e Prêmio Portugal Telecom Romance.


quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Star Wars – Os Últimos Jedi

Star Wars: The Last Jedi


Olá meus amigos, hoje estreia em rede nacional “Star Wars – Os Últimos Jedi”, e estou ansiosa para assistir e matar a saudade do Luke!

Sinopse:
Após encontrar o mítico e recluso Luke Skywalker (Mark Hammil) em uma ilha isolada, a jovem Rey (Daisy Ridley) busca entender o balanço da Força a partir dos ensinamentos do mestre Jedi.
Paralelamente, o Primeiro Império de Kylo Ren (Adam Driver) se reorganiza para enfrentar a Aliança Rebelde.

Imagem Google divulgação

Crítico Lucas Salgado, do Adorocinema
Lançado há dois anos, Star Wars - O Despertar da Força reacendeu a chama de Guerra nas Estrelas tendo como principal foco o sentimento nostálgico com relação à trilogia original, investindo na participação do trio principal (Harrison Ford, Carrie Fisher e Mark Hammil) e abusando das semelhanças com a trama do Episódio IV - Uma Nova Esperança. Empolgante e divertido, o longa de 2015 pecava justamente por essa falta de originalidade, sendo quase que uma refilmagem do filme que deu início à saga.Agora, dois anos depois, temos a chegada de Star Wars - Os Últimos Jedi, que não deixa de lado o sentimento nostálgico, mas que oferece uma trama mais interessante. Do ponto de vista narrativo, há semelhanças sim com O Império Contra-Ataca, mas longe de ser uma cópia. O filme tem início com a Primeira Ordem numa posição de superioridade, embora tenha tido sua base destruída no anterior. 

Gostei da crítica, e para continuar, acesse:

Trailer:

 
Imagem divulgação