sexta-feira, 30 de setembro de 2016

O Lar das Crianças Peculiares
Novo filme de Tim Burton

Olá queridos amigos, tenham uma excelente sexta-feira.
Ontem estreou o filme que eu estava aguardando, O Lar das Crianças Peculiares, novo filme de Tim Burton.
Bem, fica aí a dica de cinema para o final de semana.
Abraços, até amanhã com mais novidade,
Míriam

Foto divulgação
Quando seu querido avô falece deixando pistas sobre um lugar mágico, Jacob viaja para uma ilha galesa e encontra um orfanato abandonado. Lá, o mistério e o perigo se aprofundam quando ele começa a conhecer o local e os seus moradores: crianças com poderes especiais conhecidas como peculiares e a Senhorita Peregrine, uma peculiar que comanda o orfanato e cuida dos jovens. Jacob também conhece os inimigos poderosos de seus novos amigos, e, em última análise, descobre que apenas a sua própria peculiaridade especial pode salvá-los.
O filme adapta a obra O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares, escrita por Ransom Riggs como parte de uma trilogia focada em um grupo de crianças que, como o título já deixa claro, não se encaixam no padrão. Na história, elas têm habilidades especiais como flutuar, ter um corpo cheio de abelhas, características descritas como peculiaridades. 

Elenco:
Asa Butterfield como Jack Portman; Eva Green como Senhorita Peregrine; Ella Purnell como Emma Bloom; Samuel L. Jackson como Barron; Allison Janney como Doutora Golan; Judi Dench como Senhorita Avocet e Terence Stamp como Abraham Portman.

Trailer legendado:


quinta-feira, 29 de setembro de 2016

A fim, junto ou separado?

Surgiu a dúvida? A primeira dúvida a ser extinta: “a fim” é escrito junto ou separado?
Para os sentidos que usamos mais, “a fim” se escreve separadamente:
1 – Finalidade
Pode ser substituído por “para” e “com o fim de”.

Estamos economizando dinheiro, a fim de viajarmos no final do ano.
Os cortes foram feitos a fim de evitarmos uma crise ainda maior.
Eu estudei a fim de tirar a nota máxima, mas isso não aconteceu.

Repare: na verdade, “a fim”, separado, faz parte de uma locução prepositiva: a fim de.

2 – Demonstração de interesse
Coloquialmente, usamos “a fim de” no sentido de “estar com vontade de”, “desejar”, “querer”. E sempre precedido do verbo “estar”.

Eu estou a fim de ir ao cinema, mas se quiser, podemos ficar em casa.
Não estou a fim de viajar com pessoas que não conheço.
Pela sua expressão, você não está a fim de ir para a festa.

“Afim” também existe. Mas quase nunca usamos, porque faz parte de uma linguagem bastante formal. É um adjetivo! Sabia? Um adjetivo como “pequeno”, “bonito”, “estranho”. “Afim” é sinônimo de “semelhante”, “igual”, “parecido”.

Eu e meu irmão nos damos bem, pois nossas ideias são bastante afins.
Ou seja, “ideias parecidas”.

Aqui na empresa, a minha função e a sua são afins, portanto, posso ajudá-lo em qualquer dúvida.
Ou seja, “minha função e a sua são semelhantes”.

Talvez fique mais fácil se você pensar assim: “a fim”, separado, é usado quando se tem “de” depois. Então, sempre teremos três elementos: a + fim + de. E posso apostar que “afim”, junto, será muito mais difícil de você e eu usarmos.

Gostaram da dica da língua portuguesa? É sempre bom recordar.
Abraços,
Míriam


quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Concerto especial

Para homenagear os 30 anos da Fundação Pinacoteca Benedicto Calixto, a Orquestra Sinfônica de Santos fará apresentação especial nesta quinta-feira, 29, às 20h30, no Teatro Coliseu.
O concerto conta com a participação do violoncelista norte-americano Lars Hoefs. Sob a regência do maestro Luís Gustavo Petri, a orquestra traz no programa as obras, Hebridas, de Mendelssohn; Concerto para Cello, de Elgar e a 5ª Sinfonia, de Beethoven.
A entrada é gratuita e os convites devem ser retirados no próprio teatro (Rua Amador Bueno, 237, Centro, Santos) até hoje, das 9h às 13h, e amanhã, a partir das 17 horas.

Muito legal, né? E com entrada gratuita melhor ainda.
Aproveite para conhecer o Teatro Coliseu, caso você ainda não tenha visitado, vale a pena.
Abraços,
Míriam

Teatro Coliseu
A história do teatro começou em 1897, com a inauguração de um ginásio de madeira, com velódromo, arquibancada e botequim.
Em 1909, foi substituído por um teatro com 1.500 lugares e acústica considerada perfeita.
Em 1924, foi reinaugurado com a configuração atual e 2.300 lugares. A decoração destaca, no salão nobre, a arte do italiano Adolfo Fonzari, iluminada por 39 lustres. Em forma de ferradura, a plateia permite a observação de todos os detalhes das cenas e o fosso da orquestra comporta 100 profissionais. O edifício foi muito usado para atividades políticas e o teatro, restaurado, voltou a funcionar em 2006.
O teatro fica na Rua Amador Bueno nº 237, Centro Histórico de Santos (estacionamento pago em frente)
Telefone: (13) 3226-8000
Equipamento com acessibilidade para portadores de necessidades especiais


Fonte: Guia de Santos

terça-feira, 27 de setembro de 2016

14ª edição do Curta Santos 2016
A mostra começou ontem em vários pontos da Cidade

A 14ª edição do Curta Santos, principal festival de cinema da região, começou ontem em vários pontos da Cidade. O evento segue até 1º de outubro com a exibição de 51 filmes em 16 sessões, entre as mostras competitivas e especiais, além da sessão dos 10 videoclipes selecionados, que faz parte da programação.

Mostras Especiais
Também relacionadas à estética “inclassificável”, as mostras especiais do 14º Curta Santos abrem espaço para os longas-metragens “Antes O Tempo Não Acabava”, de Sérgio Andrade e Fábio Baldo; “Ralé”, de Helena Ignez; e “A Loucura Entre Nós”, de Fernanda Fontes; além de quatro curtas selecionados por meio do cine-debate Mostra das Minas, que exibe mensalmente em Santos filmes realizados por mulheres: “Noite Púrpura”, “Você Sabe Quem É Meu Pai”, “Galeria Presidente” e “Corpo Vazio”.
A programação do Curta Santos é gratuita e está espalhada por vários pontos, como a Cadeia Velha, o Sesc Santos, o Cine Roxy, Centro da Juventude dos Morros e Torto MPBar.
O Curta Santos é um dos mais importantes eventos da produção audiovisual no País e tem o objetivo de proporcionar um diálogo entre os realizadores e fortalecer o polo de produção e exibição local, fundamental para formação de público.  

Videoclipes selecionados:
      
BLACK DAY
Banda/artista: Daniel Lotoi e Renato Leite
Cidade: Santos
Direção: Victor Alencar e Bruno Arrivabene

CIRANDA
Banda/artista: Danilo Anhas
Cidade: São Vicente
Direção: Bianca Munhoz e Júlio Cesar

EU CRESCI DESCALÇO 
Banda/artista: Deejay FB
Cidade: Guarujá
Direção: Lucas Rumor

IGUALDADE
Banda/artista: Ray Santos Ft. DJ Hum
Cidade: Santos
Direção: Rodrigo Sales

JÁ SEI
Banda/artista: Zimbra
Cidade: Santos
Direção: Eduardo Laiola, Júlia Mattos e Rafael Reis

PATRIMÔNIO
Banda/artista: ESC
Cidade: Santos
Direção: Kennedy Lui

PLAQUE DE 100 2.0
Banda/artista: MC Guime
Cidade: Praia Grande
Direção: Konrad Kondzilla

PRETA PERFEITA
Banda/artista: Lucas & Orelha
Cidade: Praia Grande
Direção: Konrad Kondzilla

REGRA, SERMÃO E TEMAKI
Banda/artista: Zebra Zebra
Cidade: São Vicente
Direção: Kennedy Lui

TRAVA TRAVA
Banda/artista: Lia Clark
Cidade: Santos
Direção: Gabriel Riccieri

Confira a programação e sobre o festival:

Fonte: jornal A Tribuna, G1 e site do Curta Santos  

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Sete Homens e um Destino – The Magnificent Seven

Olá meus amigos, tenham um excelente início de semana.
Ontem consegui terminar o meu conto e enviá-lo para a Revista Conexão Literatura, que bom.
E também fui ao cinema assistir The Magnificent Seven e adorei, muito bem feito e o cinema estava lotado, quando saí uma grande fila de espera. Aqui na Baixada estreou na quinta-feira e foi bem aceito pelo público.


The Magnificent Seven
O longa é uma refilmagem de Sete Homens e Um Destino (1960), clássico faroeste com Charles Bronson, Yul Brynner e Steve McQueen.
Refilmagem do clássico faroeste Sete Homens e um Destino (1960), que por sua vez é um remake de Os Sete Samurais, de Akira Kurosawa. Os habitantes de um pequeno vilarejo sofrem com os constantes ataques de um bando de pistoleiros. Revoltada com os saques, Emma Cullen (Haley Bennett) deseja justiça e pede auxílio ao pistoleiro Sam Chisolm (Denzel Washington), que reúne um grupo de especialistas para contra-atacar os bandidos.
A refilmagem é do estúdio MGM, que está dando uma nova roupagem para grandes títulos de seu catálogo. Foi assim com RoboCop (2014), de José Padilha.
Vários atores já estiveram envolvidos nesse projeto de refilmagem: Tom CruiseMatt DamonMorgan Freeman e Kevin Costner.
O filme original foi um grande sucesso e rendeu as sequências: A Revolta dos Sete Homens (1969) e A Fúria dos 7 Homens (1972), a paródia The Magnificent Seven Deadly Sins (1971) e a série The Magnificent Seven (1998-2000).

Trailer legendado:

domingo, 25 de setembro de 2016

Poesia Minha Religião
Mirian Marclay Fraga

Muito bom dia a todos vocês meus queridos amigos! Final de semana chuvoso aqui na Baixada e também no Brasil.
Peço desculpas por não conseguir disponibilizar nenhuma dica cultural neste final de semana, mas é que estou na finalização do conto que enviarei para a edição de outubro da Revista Conexão Literatura, estou terminando a história e ainda tem a revisão.
Porém, recebi a poesia Minha Religião de minha amiga poetisa Mirian Marclay e espero que vocês gostem.
Abraços a todos e até amanhã.
Míriam

Houvesse em mim uma razão para escrever
Que não fosse o próprio ato da escrita,
Esse exercício louco de lucidez
Que “ad eternum” na alma crepita!
Nenhuma linha de mim
Jamais sairia.

Morressem todos os poetas
De que cor seria a agonia?
Como se expressaria a ilusão da lágrima
Ou até mesmo a morte de uma estrela.

E ainda me pergunto: Por que escrevo?
Quando o mundo cada vez mais
Torna-se monossilábico.

Não há dogma maior
Que emergir 
Da doma 
Da ignorância. 

Percebo que teimo no gracejo de um tango triste,
Enquanto que talvez de fato fosse essencial
Estabelecer se um tango alegre existe.
Se o sol é belo
E a lua é a musa nua da ausência de inspiração.

No meu silêncio
Ainda escrevo,
Talvez seja vício,
Ou um artifício
Da minha própria

Salvação.

Conheça outras poesias no Blog Lirismo Flor da Pele, acesse:

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Maratona de workshops culturais gratuitos

Olá meus amigos, tenham uma excelente sexta-feira.
Vejam que interessante os cursos gratuitos promovidos pela Incubadora Vara Para Pescar, que realiza série de atividades formativas em Cubatão.
Interessados podem aprender envolver público nas redes sociais, elaborar cotas de patrocínio, produzir bandas e eventos etc.
Para se inscrever, o interessado deve enviar e-mail para varaparapescar@gmail.com
As vagas são limitadas.

Programação:
23/set  sexta-feira      
14h às 17h      
Conteúdo Criativo para Redes Sociais    
Como desenvolver conteúdos criativos para as Redes Sociais      
Com Cris Araujo        
10 vagas

27/set  Terça-feira      
19h às 22h      
Design de Projetos Criativos         
Conheça técnicas para criar um projeto criativo e relevante para seu público alvo         
Com Vivi Távora        
10 vagas

28/set  Quarta-feira    
15h às 18h      
Posicionamento em Tempos de Crise     
Quando a crise inicia? Quem leva vantagem? É possível manter-se estável?      
Com Tati Távora        
10 vagas

29/set  Quinta-feira    
19h às 22h      
A sua arte pode se tornar um Empreendimento?          
Conheça os Principais passos para transformar a sua arte num empreendimento           
Com Juliana Luiz       
10 vagas
30/set  sexta-feira      
14h às 17h      
Social Canvas           
Aprenda a gerenciar as Redes Sociais         
Com Cris Araújo        
10 vagas

4/out    Terça-feira      
19h às 22h      
Crowdfunding          
Dicas e ferramentas para uma campanha de financiamento coletivo bem sucedida.      
Com Vivi Távora        
10 vagas

6/out    Quinta-feira    
19h às 22h      
Saiba como elaborar Cotas de Patrocínio           
Quantas Cotas? Como dividir o valor? Saiba esses e outros detalhes       
Com Juliana Luiz       
10 vagas

7/out    sexta-feira      
14h às 17h      
Marketing de Eventos         
Saiba como atrair seu púbico-alvo    
Com Cris Araujo        
10 vagas

10/out  segunda-feira 
14h às 17h      
Criando a Identidade Visual do Meu Projeto       
Construindo o Brainstorming 
Com Ju Finamore      
10 vagas

11/Out Terça-feira
Manhã/Tarde
Vivência de Canvas para Projetos Culturais
Com Vivi Távora
10 vagas

12/out  Quarta-feira    
15h às 18h      
Públicos da Cultura 
A formação de público consumidor das expressões artísticas        
Com Tati Távora        
10 vagas

13/out  Quinta-feira    
19h às 22h      
Produção de Bandas e Cantores Independentes           
Mesmo sem verba para custear uma equipe, a produção deve existir. 
Saiba como fazer       
Com Juliana Luiz       
10 vagas

14/out Sexta-feira
Manhã/tarde
Vivência de design thinking para projetos culturais
Com Vivi Távora
10 vagas

17/out  segunda-feira 
14h às 17h      
Criando Jornal Mural Comunitário           
Pesquisa, Criação de Pauta, Texto e Diagramação            
Ju Finamore   
10 vagas

19/out  Quarta-feira    
15h às 18h      
O Ato de Pensar na Produção Cultural    
A estratégia no planejamento das produções culturais        
Com Tati Távora        
10 vagas

24/out  segunda-feira 
14h às 17h      
Básico em Photoshop         
Ferramentas e Criatividade   
Com Ju Finamore      
10 vagas

Vara Para Pescar:
A Vara Para Pescar – Incubadora Criativa de Projetos, patrocinada pela Petrobras, é uma continuidade do projeto Vara Para Pescar – Escola de Produtores Culturais, também patrocinado pela Petrobras por intermédio do Programa Petrobras Integração Comunidade, que visa a sustentabilidade dos resultados conquistados naquele projeto.  Consiste em uma série de atividades que consolidarão os resultados obtidos pelos alunos da Escola de Produtores Culturais (projeto patrocinado pelo IPC), durante os dois anos de formação (maio de 2013 a abril de 2015). 

Mais informações:

Colaboração: Jornalista e assessor de imprensa André Azenha

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Concurso literário “Jovens que escrevem”
Os participantes devem ter entre 12 a 25 anos

A A. R. Publisher Editora vem incentivando novos autores nacionais, tendo lançado recentemente o concurso literário “Jovens que escrevem”.
São apenas 100 vagas para as categorias: conto e poesia e os trabalhos devem ser enviados até dia 16/10.


Regulamento:
Disponível na página da escritora Angela Ramalho no Facebook:

Blog:

E-mail:

Revista Conexão Literatura
Leia a entrevista completa na edição deste mês da Revista Conexão Literatura, acesse o link e baixe gratuitamente a revista: