sábado, 9 de janeiro de 2016

Olá meus amigos, sabadão e eu de plantão!

O MIS apresenta a exposição até este domingo (10) À Meia-Noite levarei sua Alma, que homenageia o famoso cineasta brasileiro Zé do Caixão.

Infelizmente só fiquei sabendo ontem e acabou ficando em cima da hora, eu sei. Eu não poderei ir por causa do plantão imprensa, mas disponibilizo aqui par quem tiver interesse.

Bem, fica aí a dica de lazer sobrenatural!!!

Grande abraço,

Míriam

 

À Meia-Noite Levarei sua Alma
Última oportunidade para visitar a exposição 


O MIS apresenta a exposição À Meia-Noite Levarei sua Alma, que revela parte da trajetória de Zé do Caixão, personagem emblemático de José Mojica Marins. A exposição tem curadoria e concepção de André Sturm e foi baseada na seleção feita por Liz Marins, filha de Mojica, e Marcelo Colaiacovo, guardião e curador do acervo do cineasta.

Imersos em um ambiente obscuro e tortuoso – que guarda muitas revelações e assombros –, o público terá acesso a uma seleção inédita de itens como fotografias, figurinos, roteiros, objetos cênicos, colagens, trechos de filmes e imagens de bastidores das produções de Zé do Caixão.



Ao todo, são 12 nichos distribuídos no ambiente da exposição, que apresentam itens como o filme em película 16 mm original de À Meia Noite Levarei sua Alma (resguardado pelo diretor por mais de 50 anos); o troféu recebido no ano de 1973 durante o Festival Internacional de Cine Fantástico y de Terror Sitges (Espanha); e o cartaz e algumas fotografias de bastidores inéditas do filme O Exorcismo Negro, de 1974.

Ainda dentro do labirinto da exposição À Meia Noite Levarei sua Alma, o público poderá sentir a presença do personagem mais famoso de José Mojica Marins em um ambiente semelhante a um caixão, que, forrado com veludo capitonê, resguarda a histórica vestimenta de Zé do Caixão. Nele, o público poderá ter acesso à capa, a cartola, a camisa, a calça, os sapatos e o medalhão de bruxo usados no filme A Encarnação do Demônio (2008).



Curiosidades como os santinhos da candidatura de Zé do Caixão para deputado em 1982 e pôsteres originais de O Estranho Mundo de Zé do Caixão, Delírios de um Anormal e Ritual dos Sádicos [proibido pela censura e lançado posteriormente como O Despertar da Besta] também integram o inventário da mostra.

Zé do Caixão 

Josefel Zanatas, mais conhecido como Zé do Caixão, é um personagem mítico do cinema nacional criado e interpretado pelo ator e diretor José Mojica Marins. O contraditório coveiro que, ao mesmo tempo, que é cruel e sádico, tem como marca ser um defensor de crianças, é um homem de crenças obscuras, cujo objetivo principal passa a ser encontrar uma mulher perfeita para que possa dar continuidade à sua espécie (que ele acredita ser superior) e suas ideologias. 
Sua primeira aparição se deu no longa À Meia-Noite Levarei Sua Alma, lançado em 9 de novembro de 1964, em São Paulo. A obra foi a primeira da trilogia clássica, que inclui Esta Noite Encarnarei no Teu Cadáver (1967) e A Encarnação do Demônio (2008). 

Serviço:
À Meia-Noite Levarei sua Alma
Local: Museu de Imagem e Som
Quando: até dia 10/01/2016
Endereço:
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo - Espaço Expositivo 1º andar
Telefone: (11) 2117-4777
Estacionamento conveniado: R$ 10
 
Horário: de terça a sábado, das 12h às 21h; domingos e feriados, das 11h às 20h 
Ingressos: R$10 e meia R$ 5
Classificação: 16 anos
www.mis-sp.org.br 

Nenhum comentário: