quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Tenham uma excelente quinta-feira.
Hoje é dia da coluna da revisora Bernadete Bernardo que apresenta o poeta representante do Simbolismo no Brasil, Cruz e Sousa.
“Seus poemas são marcados pela musicalidade (uso constante de aliterações), pelo individualismo, pelo sensualismo, às vezes pelo desespero, às vezes pelo apaziguamento, além de uma obsessão pela cor branca. É certo que encontram-se inúmeras referências à cor branca, assim como à transparência, à translucidez, à nebulosidade e aos brilhos, e a muitas outras cores, todas sempre presentes em seus versos”, ressalta Bernadete.
Confesso que sou apaixonada por ele, seus poemas são fortes e marcantes e conheci, em Floripa, o palácio que leva seu nome.

Até mais, abraços, Míriam


Fonte: Wikipédia/ Brasil Escola
Fotos: Sebo do Messias/ Santa-Catarina.co/ Gsmfans.org

Nenhum comentário: