quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Olá amigos, aproveitem a quinta-feira, quase sexta!
Tenho a honra de apresentar a revisora Bernadete Bernardo, que estará semanalmente conosco aqui na página com dicas sobre a Língua Portuguesa e também Literatura. Eu já vinha colocando as suas dicas, porém, sem coluna fixa e estou muito feliz porque ela aceitou o convite.
Hoje Bernadete nos brinda com uma linda poesia de Cora Coralina e fala um pouco sobre si. Conheçam então a nossa revisora.

Grande abraço,

Miriam

 

Assim vejo a vida

Poesia de Cora Coralina

 



Apresentação da coluna Dicas da Revisora Bernadete Bernardo

 

Nas palavras da poetisa Cora Coralina é possível sentir o amor pela vida, até mesmo nos seus poemas que falam da adversidade, existe brandura e cortesia. A poesia de Cora Coralina me transporta a infância na roça, vendo meus pais lavrando a terra e tirando o sustento para a família, com dificuldade, mas tudo isso era recompensado pela alegria de viver livre e em harmonia com a natureza.
Tive a felicidade de ter uma mãe humilde e carinhosa, talvez por isso tenha chegado até aqui. Hoje sou mãe de quatro filhos e avó de um neto lindo. Sempre gostei de ler, a literatura me encanta.
Em 2010 me formei em Letras e agora que a aposentadoria está próxima, quero dedicar meu tempo à família, às leituras e se possível, escrever.
Recentemente participei de um projeto de revisão de uma antologia pela Casa do Poeta Brasileiro de Praia Grande/SP, foi prazeroso e reafirmou a minha vontade de conviver com o mundo literário. A nossa língua portuguesa é maravilhosa e a todo o momento aprendemos algo que nos faz vê-la carinhosamente, com estima em aprendê-la mais e mais.
A convite de minha querida amiga Miriam Santiago, que conheci em tempos de faculdade, compartilharei semanalmente dicas sobre língua portuguesa e literatura.
E assim a vida vai se apresentando...

Maria Bernadete Bernardo de Oliveira 

Nenhum comentário: