quarta-feira, 18 de junho de 2014

Um bom dia a todos nós! Semana curta por causa do feriadão, ainda bem.
Vejam que legal, a animação brasileira O menino e o Mundo foi premiada na 38ª edição do Festival de Annecy, que aconteceu na França. Isso é muito bom para o Brasil.
Espero que tenham gostado, beijo grande e até amanhã.
Miriam

38ª Festival de Annecy

Considerado um dos maiores festivais de animação do mundo, a 38ª edição do Festival de Annecy aconteceu na semana passada, na França e, desta vez, o Brasil teve uma participação grandiosa, com mais de quatro animações selecionadas. Entre elas, “O menino e o Mundo”, do ilustrador Alê Abreu, foi premiado com o Troféu de Cristal, mais importante da festa. O longa, patrocinado pela Sabesp via Lei Rouanet, teve estreia brasileira em janeiro deste ano.

“O Menino e o Mundo”, que traz a história de um garoto que tenta encontrar o pai que não volta do trabalho, competiu com produções vindas da Alemanha, França, Itália, Bélgica, Irlanda, Holanda e do Japão e conquistou o troféu por seus traços infantis e coloridos que ilustram seu conteúdo político. É a segunda vez que o Brasil traz para casa o Troféu Cristal. A primeira foi com “História de Amor e Fúria”, de Luiz Bolognesie, filme que também recebeu patrocínio da Sabesp.

O evento foi marcado pela exibição do documentário sobre os estúdios Ghibli e pela presença do diretor Carlos Saldanha, que dirigiu Rio e Rio 2. Saldanha aproveitou para responder questões acerca do processo de criação do segundo filme, que estreou em abril.

Além do filme vitorioso, outras animações fizeram parte da seleção oficial do Annecy: "Até que a Sbórnia nos separe”, de Otto Guerra e Ennio Torresan; o documentário “Luz Anima Ação”, de Eduardo Calvet; "Boa Noite Martha", de Vivian Altman, que concorreu na categoria de filme para TV; e "Fuga Animada", de Augusto Roque, que disputou como melhor filme de graduação.

Trailers:


Nenhum comentário: