domingo, 16 de dezembro de 2012


Natal com a Livraria Viriato Corrêa

Bate-papo natalino com Dennis Vinícius, Martha Argel (a confirmar), Bruno Anselmi Matangrano e Ana Cristina Rodrigues, hoje, na biblioteca Viriato Corrêa, a partir das 15h. 

Os livros da Llyr Editorial estarão com preços super especiais. Descontos de até 50%!

Ótima oportunidade para presentes de Natal.

 

Serviço:

Natal com a Livraria Viriato Corrêa

Quando: hoje, às 15h

Local: Biblioteca Pública Viriato Corrêa - Rua Sena Madureira, 298 - Vila Mariana, São Paulo

-------------------------

Encontro de autores e contadores de histórias

No SESC Santos

 

programação do Sesc Santos para a próxima semana inclui vários programas, começando com o projeto Palavra Viva, no dia 19 (quarta-feira), um encontro entre escritores, poetas e editores independentes. E ainda show do Guaçatom no sábado, e contação de história inspirada na obra de Manoel de Barros, sábado e domingo. 
O projeto Palavra Viva, organizado pelo poeta, editor e crítico Ademir Demarchi, inclui debate sobre o panorama da produção literária no Litoral e projetos que possibilitam a difusão da literatura, além de lançamentos de livros.

Musical
No sábado, dia 22, às 18h30, o grupo Guatom apresenta o espetáculo Pique! Guaçatom Em Tempo de Festa, apresentando músicas de seu segundo CD, recheado de composições de Edu Lobo, Guerra Peixe, Braguinha, Hermeto Paschoal, Carlos Malta, além de Ernesto Nazareth, Jackson do Pandeiro e Sinhô. O grupo toca os mais diferentes instrumentos, entre eles  o vibafone, metalofone, clarinetes, flautas transversais e objetos sonoros com material reciclável. O grupo musical é formado por 21 adolescentes e crianças da comunidade de Caucaia do Alto (Cotia).


Para crianças
No sábado e domingo, o grupo Movimento da Hora do Conto realiza duas sessões de contação de histórias baseadas no universo do poeta Manoel de Barros. Ainda no sábado, dia 22, às 17h30, na Toca, é a vez de Palavra Brinquedo, uma viagem ao Pantanal em que o público conhecerá Maneco, um boneco articulado que sai de sua caixa apelidada de Lugar de Ser Inútil, mesmo nome dado pelo poeta ao quarto onde escreve. O boneco fala um pouco sobre sua infância, a vida na fazenda e recita alguns dos poemas de Barros.

No domingo, no mesmo horário, também na Toca, a sessão de contação de histórias traz Fazedor de Amanhecer, em que dois contadores de histórias e um violeiro conversam poemas de Manoel de Barros com o público, permeados pelo desobjeto, um carrinho de madeira puxado por uma corda (diz que era puxado por dois bois), contendo imagens do Pantanal e poemas do autor. E pra quem gosta de invenção, objetos poéticos como um abridor de amanhecer, um alicate cremoso, uma fivela de prender silêncios.

 

Serviço:

Encontro de autores e contadores de histórias

Quando: 19, 22 e 23/12, às 18h30

Local: SESC Santos – Rua Conselheiro Ribas, 136, Aparecida, Santos

Telefone: (13) 3227-5252

Fonte: jornal A Tribuna
---------------------------
Osesp faz apresentação hoje

Acontece hoje o concerto de encerramento da temporada da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (Osesp). A apresentação, que também encerra a 18ª. Edição do Projeto Tocando Santos e a temporada 2012 da Osesp, será às 19h30, na Praia do Gonzaga, em Santos.
A Osesp terá a maestrina Marin Alsop, reconhecida como uma das melhores profissionais do mundo, e entre as peças que serão apresentadas estão quatro escritas por Chico Buarque e uma de George Gershwin.
Neste ano, a abertura será feita pelo jovem regente baiano, de 20 anos, Yuri Azevedo, que recebeu o prêmio Eleazar de Carvalho do 43º Festival de Inverno de Campos do Jordão. Ele apresentará uma peça de Leonard Bernstein.
----------------------------

III Sarau Virtual Caixa de Poemas

De Manoel Hélio

 

Perdidos 
Daiane Duarte


Somos almas perdidas
Presas a velhas lembranças
Incapazes de curar as feridas
Incapazes de aceitar as mudanças

Estamos correndo em círculos
A procura do que não podemos encontrar
Meu corpo sofre por erros antigos 
Sofremos por não poder amar 

Lágrimas preenchem o vazio 
Pois nunca sei quando irás voltar
Corremos sempre pelo mesmo caminho
Quando medos antigos vêm nos atormentar

Lutamos pela fragrante tepidez sonora
E de tão pródigo nosso amor se fez coitado
Batalhamos para viver o agora
Enquanto erguia um grito demasiado

No túmulo onde nosso amor jaz
Desejei os beijos que em lágrimas me jurastes
Mas com teu silêncio quebrastes minha tão sonhada paz
E em segredo com um olhar me mortificastes

Liberte os a quem odeia
Feche os olhos e sinta meus lábios tocarem os seus
Sinta meu corpo ardente
Sinta os olhos meus...

 

Existência de Medos

Vera Aguiar

 

As meias verdades nos regem, (a todos).
Construímos universos de medo!
De medos são nossos castelos impunes.
Sob reservas de medos me fiz, 
em pensamentos auto-destrutivos.
Minha meninice foi imposta por inocentes doses de medo.
De medo me impuseram uma dolorida adolescência,
quando por medos, amores apenas pensei! 
Ainda adolescente, mesmo em uma redoma de medos,
por vãos de um social tacanho, 
sonhei com dias de um Bem Comum real.
Vieram algumas medrosas paixões,
que a lugar nenhum chegaram.
Os medos que em minha vida enchiam malas,
passaram a ser bagagem na mulher refugiada, 
na cega dos dois olhos em um social caolho,
cujo a riqueza era ser apenas rico,
apesar da ignorância.
Em fim, os medos que povoam os horizontes,
me fizeram viver construtora de acomodações de medos.
Então serei um alguém a mais,
a esperar na cadeira de balanços,
a hora dos medos se irem (comigo),
Em um bonito cortejo de medos.

 

Soneto aos seus olhos 
Adam William Italiano

A alma calada e agitada grita, 
A boca tagarela se cala,
O coração parado se agita, 
O amor antes oculto se revela

Os olhos sonolentos sorriem
E penetram a minha alma,
Antes de calados se fecharem
Fitam-me com certeza e calma

O piscar dos seus olhos divinos
Oculta tamanha beleza por segundos
De quem são este belos olhos?

Os dois apaixonados mal sabiam
Que durante o encontro dos seus olhos
Estrelas caiam e novas surgiam (Carlos Amado)

O Sarau continua hoje, veja mais, acesse:

Nenhum comentário: