domingo, 21 de outubro de 2012


Outubro Rosa no combate ao câncer de mama.
Seja consciente e cuide de você e de sua família, faça mamografia pelo menos uma vez ao ano.
Oriente quem necessita sobre esse precioso exame e frequente também seu médico(a) ginecologista.
A saúde em primeiro lugar.

Casa das Rosas

A Casa das Rosas fica na Avenida Paulista, em São Paulo e é um ponto de encontro para os amantes das Letras. No local são realizados vários eventos literários, como lançamento de livros, de autores, de exposições e rodas literárias.
Acompanhe as exposições que a casa abriga:

EXPOSIÇÃO PERMANENTE
Visite a exposição de móveis e objetos que pertenceram a Haroldo de Campos, além de algumas fotos deste importante poeta, tradutor e crítico em sua “Bibliocasa”.

EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS: 
ALMIR ALMAS – POESIA DIGITAL
Curadoria: Elson Fróes.
Até dia 16 de novembro.
Apresenta um recorte da obra de Almir Almas em mídia digital. Elson Fróes é bacharel em Letras pela PUC-SP, poeta, tradutor e webmaster. Almir Almas é cineasta, videoartista, VJ e poeta.

ESTALACTITES TIPOGRÁFICAS
Exposição de Guilherme Mansur.
Até sábado, 27 de outubro.
Ao compor, com tipos móveis digitalizados, poemas do expressionista alemão August Stramm, traduzidos por Augusto de Campos, o tipógrafo destaca a materialidade da poesia por meio de um intenso contraste entre tipos art nouveau e marcas da mídia eletrônica.
  
“DA BIBLIOCASA”
BIBLIOCOSMO
Uma bibliocasa cosmopolita
Curadoria: Simone Homem de Mello e Frederico Barbosa.
A biblioteca de Haroldo de Campos sintetiza o pendor cosmopolita da cidade de São Paulo, anunciado por Guilherme de Almeida no seu livro Cosmópolis. Obras de diversas línguas e inúmeras culturas compõem a Bibliocasa de Haroldo de Campos, um verdadeiro microcosmo, perfeita tradução da cidade-caldeirão retratada por Guilherme.

ACERVO HAROLDO DE CAMPOS E COLEÇÃO VINHOLES
De 27 de novembro a 27 de janeiro.
A parte da biblioteca de L. C. Vinholes referente à poesia concreta e à vanguarda japonesa está em vias de ser doada ao Centro de Referência Haroldo de Campos. Uma mostra com obras do acervo Haroldo de Campos e da coleção Vinholes revelará aspectos da amizade entre os dois artistas.

Serviço:
A Casa das Rosas fica na Av. Paulista, 37, São Paulo
Aberta de terça-feira a sábado, das 10 às 22 horas; domingos e feriados, das 10 às 18 horas
(passível de alteração, de acordo com a programação).
Telefones: (11) 3285-6986 / (11) 3288-9447
Convênio com o estacionamento Patropi: Alameda Santos, 74


----------------------------
Book Trailer Viagem ao Reino da 
Cabeça da Serpente

De Dione Mara Souto da Rosa


Veja o trailer do E-book de Dione Mara Souto da Rosa, “Viagem ao Reino da Cabeça da Serpente”, e descubra o mistério de Ana Scarlet.
Uma fantástica viagem levará a bióloga Ana Scarlet e sua equipe ao Reino da Cabeça da Serpente na Selva de Campeche, México.
O E-book está à venda na Amazon.com.

Conheça a autora, acesse:
--------------------------
Para quem gosta do eterno 007
As várias faces de James Bond

Os filmes de James Bond são quase sempre iguais: Bond é enviado para uma locação exótica, conhece e seduz uma mulher, é capturado pelo vilão, escapa, mata o vilão e fica com a mocinha. Reconhecido pelos martínis, Bond girls, antagonistas apocalípticos e insinuações, Bond traçou sua trajetória por entre vários vilões e mocinhas.
Dados compilados por The Economist mostram que, dentre os seis Bonds, Pierce Brosnan foi o mais sanguinário, matando uma média de 19 antagonistas por filme. O breve George Lazenby era o Bond das mulheres, enquanto Daniel Craig, o mais recente, é notavelmente menos bem-sucedido. Talvez isso se deva ao fato de que ele bebe o maior número de martínis. Ainda assim, tudo isso corre o risco de acabar. No novo filme, “Skyfall”, a Heineken pagou para garantir que o herói só beba cerveja. Presumivelmente, nem mexida, nem agitada.
Fonte: Opinião & Notícia
-----------------------------
Ontem foi o Dia do Poeta
Parabéns poetas!

Poeta é aquele que faz versos, que escreve poesias. 
A poesia, ou gênero lírico, ou lírica é uma das sete artes tradicionais, uma forma de linguagem. A poesia é uma linguagem verbal criativa. Uma arte de escrever em versos. Uma forma de se expressar e transmitir sentimentos, emoções e pensamentos. 
Antigamente, as poesias eram cantadas, acompanhadas pela lira, um instrumento musical muito comum na Grécia antiga. Por isto, diz-se que a poesia pertence ao gênero lírico. 


Definição sobre o poeta pelo grandioso Fernando Pessoa:

O poeta é um fingidor/ Finge tão completamente/ Que chega a fingir que é dor/ A dor que deveras sente./ E os que lêem o que escreve/ Na dor lida sentem bem/ Não as duas que ele teve/ Mas só as que ele não tem/ E assim nas calhas de roda/ Gira, a entreter a razão/ Esse comboio de corda/ Que se chama coração.

Fernando Pessoa 

Nenhum comentário: